Pesquisa: Rio Grande do Norte zera desmatamento da mata atlântica em 2019

Documento da Fundação SOS Mata Atlântica aponta que Estado foi na contramão do país, que registrou aumento de 27% do desflorestamento no ano passado.

Entre 2017 e 2018, o RN havia registrado desmatamento de 13 hectares, ou seja, 130 mil metros quadrados - o equivalente a 18 campos de futebol. Porém, no ano passado, os registros foram reduzidos a zero.

De acordo com o estudo, os limites potiguares abrigam 12.172 hectares de floresta preservada - o equivalente a 3,5% do total distribuído em 17 estados.

G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *